Ivone Leão

Google+ Followers

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Música a terapia ao alcance de todos!!



A música... o que seria de mim sem ela!!

Uma das expressões emocionais mais antigas do Ser humano...

Sou movida a música, ha tempos observo que várias pessoas que fizeram parte do movimento musical da minha geração mantém a aparência jovial, boa disposição e criatividade apesar dos anos, basta olharmos Caetano Veloso 69, esse leonino que já ultrapassou quatro décadas na história da nossa MPB,  assim como Chico Buarque 67, Gilberto Gil 69, Paulinho da Viola 69, eu cresci ouvindo essa safra de músicos assim como outros do mesmo nipe, e enquanto eu me tornava adulta eles se mantiveram na ativa como ainda hoje continuam em plena atividade e cheios de energia.

Nas composições músicais inteligentes e de boa construção sonora encontrei uma rica e estimulante fonte de sabedoria, eu costumo ter música preenchendo meus vazios de pensamento.

Em minha trajetória auto-ditada entrei em contato com as primeiras terapias abordando a música como forte componente equilibrador emocional na última década.

A neuro ciência na atualidade vem comprovar cientificamente a imensa intervenção que a música realiza nas atividades do cérebro.

Por meio da ressonância magnética se obtém registros das atividades cerebrais durante a execução de uma obra clássica, por exemplo, e que áreas são estimuladas, um resultado muito interessante foi obtido por uma equipe de pesquisadores quando um deles, também músico, é monitorado enquanto executa um jazz ao piano, quando ele improvisa a área do cérebro que corresponde a registros anteriores é desativada para que dessa forma ele possa construir o novo, não é maravilhoso!!

Somos uma 'máquina' perfeita da qual não possuímos o manual, portanto estivemos sempre no âmbito de tentativa e erro, tenho pra mim estarmos vivendo a necessidade cada vez mais emergente do conhecimento mais apurado da 'espécie humana'.

No decorrer dos anos as nomenclaturas vão sendo modificadas, mas você muito provavelmente já deve ter ouvido falar sobre 'lavagem cerebral', uma técnica que era utilizada para reprogramar ou apagar registros de memória de uma pessoa, hoje o que conhecemos com essa finalidade, mas de modo a trazer benefícios é conhecido como PNL ou programação neuro lingüística, ou seja, a reorganização da linguagem do pensamento que tem como objetivo promover uma mudança salutar no padrão de crenças e comportamentos.

É sabido que de acordo com a repetição de certos conceitos o ser humano o vai assimilando como uma verdade, uma criança, por exemplo, que cresce ouvindo dos pais que é incapaz e de baixo coeficiente de inteligência com certeza terá grandes dificuldades na vida adulta, o mesmo acontecendo de maneira oposta àquela que é estimulada positivamente quanto a sua capacidade de realizar tarefas.
A música tem a mesma capacidade de intervir no funcionamento do nosso cérebro, isso me faz ponderar no porque a grande mídia da música popularesca no nosso país é de tão baixa qualidade, seria talvez para manter as populações 'nutridas' de conceitos e emoções de baixo calibre? - sim, porque nunca houve uma melhor qualidade nas composições musicais quanto na época da repressão em nosso 'menino Brasil' e como era difícil lidar com a censura, justamente pela falta de interesse no despertar das mentes para pensamentos mais elevados que um 'romance a beira mar' isso sem faltar com o devido respeito a bossa nova, anterior a tropicália, jovem guarda e dos grandes festivais que levantaram pessoas de alto padrão intelectual.

A música tem um grande poder de interferir nas emoções, tanto as instrumentais, os clássicos que pelas suas harmonias elevam nosso estado de ânimo, como as letras que nos indicam direções, amenizam sentimentos e por fim tem um papel importantíssimo na cultura da humanidade, os Beatles foram os primeiros a trazer a letra  numa propósta humanista como em,

Hey Jude...       

Ei, Jude, não fique mal,
Escolha uma música triste e torne-a melhor.
Lembre-se de deixá-la entrar em seu coração,
Então você pode começar, a melhorá-la.
... e Imagine composta por Lenon após a separação do grupo, essa música tornou-se uma propósta de paz Universal...

Imagine que não há paraíso
É fácil se você tentar
Nenhum inferno abaixo de nós
Acima de nós apenas o céu
molécula de água exposta ao som de Bach, lembre somos 70% água
Imagine todas as pessoas
Vivendo para o hoje


Imagine não existir países
Não é difícil de fazê-lo
Nada pelo que lutar ou morrer
E nenhuma religião também
Imagine todas as pessoas
Vivendo a vida em paz


Você pode dizer
Que eu sou um sonhador
Mas eu não sou o único
Eu tenho a esperança de que um dia
você se juntará a nós
E o mundo será como um só


Imagine não existir posses
Me pergunto se você consegue
Sem necessidade de ganância ou fome
Uma irmandade de humana
Imagine todas as pessoas
Compartilhando todo o mundo


Você pode dizer
Que eu sou um sonhador
Mas eu não sou o único
Eu tenho a esperança de que um dia
Você se juntará a nós
E o mundo viverá como um só...


Que tipo de música você tem consumido..

Conhece-te a ti mesmo... 



Faça um pequeno teste, ouça a música Condor que Oswaldo Montenegro defendeu no festival em 1985 mas por maior que fosse a torcida não alcançou classificação (por que será), e reflita que tipo de emoção ela remete. 

Eu amo essa música!!

Um abraço e até a próxima!!

Ivone Leão

Apaixonada pelo conhecimento!!


Um comentário:

Filipe disse...

eu senti um pouco de confusão. Se não fossem as legendas não teria compreendido nada...
Por outro lado achei bonito a multidão toda a dançar